Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘livros sugeridos’ Category

Fim do ano com a” Rita Lee uma autobiografia” Globo Livros 26,94 reais.O primeiro disco voador ao último porre, Rita  Sem culpa nenhuma. Tanto que, ao ler o livro, várias vezes temos a sensação de estar diante de uma bio não autorizada, tamanha a honestidade nas histórias. A infância , vida artística; sua prisão em 1976; o encontro  com Roberto, os filhos, as músicas ; Está tudo lá. E você pode ter certeza é a obra mais pessoal que ela poderia entregar de presente para nós. Rita cuidou de tudo. Escreveu, escolheu as fotos e criou as legendas – e até decidiu a ordem das imagens -, fez a capa, pensou na contracapa, nas orelhas… E tem muita história da bicharada claro , desde criança os gatos de rua que  dormiam escondidos no porão e pariam , depois desmamavam, saía  com os filhinhos oferecendo para doação. A  vontade de comprar a primeira cachorra ,  acabou conhecendo  a criadora-assassina e ficando com a rejeitada, porque ía ser sacrificada no dia seguinte;15909939_1202642276509465_1712343518_n-1 o  gato Coca-Colo queimado com água quente que adotou a Rita e veio para Sampa  dentro da bolsa,  invisível a fiscalização do Aeroporto. O gatinho Jesus. e os assassinatos de Gace Benedita e Laura Zen.

Muita good e bad trip, dos best-friend como diz a Rita ” Nós que sobramos morremos um pouco  com cada um deles.Para não deixar a tristeza vencer; quando um se vai adotamos um novo no ato “.

Cachorros são para-raios dos humanos , enquanto gatos neutralizam o baixo-astral.

e nos deixa tambem uma SINGELA ORAÇÃO

obrigada  S.Francisco, pelo amor puro que recebi de todos os bichinhos que tive , tenho e  ainda terei. E, em nome da justiça divina, peço-vos que mande um raio a quem os maltrata Amém.

e como a Rita Lee   diz “sigo sendo uma septuagenária bem vivida, bem experimentada, bem -amada , careta,feliz e… bonitinha com tempo para curtir a casa  no mato, cuidar da horta , paparicar os filhos, acompanhar a neta,lamber meus bichinhos, deixar os cabelos brancos, descolar adoção para bichos abandonados, namorar o Roberto e, se ainda me sobrar um tempinho compor umas musiquinhas.15037198_1141046146002412_5120786503313486507_n

E continua: “Quanto mais simples, melhor. Fazer economia é chique e ecológico. Nessa visão, poder comer da própria horta é um luxo. Eu não quero ter uma Ferrari e ficar me exibindo em rua esburacada. Eu não tenho deslumbre. Não vou me entupir de coisas materiais sem sentido, mansões genéricas…Eu gosto de ficar bem na minha, com meus bichos, que são entidades com as quais divido minha vida. Eu fico comovida quando eu lido com eles, quando os trato, quando trocamos figurinha telepaticamente. É um luxo! Vivo cercada de bichos por carência do divino. E eles são o divino”.

Read Full Post »

 

Depois de lermos Matéria, publicada no último domingo (19 de abril) no jornal Folha de SP,  que destacou visita da chef Janaína Rueda,  á Fundação Casa da Unidade Terra Nova ,para atividade pedagógica onde os meninos contaram  que tinham  FOME de LEITURA e não tinham livros;  pensei que alem de doar os meus  livros   também podia pedir aos amigos que fizessem o mesmo .”Vamos ajudar a criar o habito da leitura  em pessoas  que têm acesso restrito  a livros . Vamos doar livros  novos e usados e  assim tirar mais crianças da rua”IMG_20150506_131418 Contato com a Fundação Casa da Unidade Terra Nova ; Coordenadora Pedagógica  Érica 31332632/31332643 , você pode entregar diretamente há rua  Zaire 208  Municipio do Alto Tiete jardim Adriana cep 08598714 , via Correio , ou solicitar  a retiradada doação de livros.

Veja matéria na íntegra:http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2015/04/1618431-chef-da-oficina-e-emprego-a-adolescentes-infratores.shtml

 

Read Full Post »

 

Conversas com Animais – GUERREIRO, MARTA SOFIA

Lembra-se do dia em que recebeu o seu animal de estimação? Talvez se recorde vagamente, mas ele certamente lembra-se desse momento mágico. Foi então que ele decidiu dedicar-lhe a vida, cuidar das suas angústias, medos e alegrias. E muitas vezes, quando o levou à pressa ao veterinário, provavelmente não sabia que na verdade o seu cão (ou gato) estava a atrair para ele próprio as suas doenças, para que você se curasse ou se mantivesse bem.Nem todas as pessoas têm essa percepção. Mas Marta Sofia Guerreiro sabe  ,médica e cirurgiã veterinária durante vários anos. Até que certo dia descobriu ter um poder maior, diferente, extraordinário: conseguia comunicar com os animais, perceber o que lhes ia na alma. De repente, aqueles sintomas estranhos, como uma queda súbita de pêlo ou o nascimento de um tumor, já não eram apenas uma questão clínica. Marta percebia agora que o diagnóstico ganhava outra dimensão, mais profunda, e reflectia problemas com o seu dono, ou até desavenças em casa…homeless-dogs-and-owners-12
Conversas com Animais é um livro corajoso, revelador, de uma médica veterinária que ouve a voz dos animais, e que através deles descobriu o significado do verdadeiro amor. E é também um livro sobre si, porque ao aprender mais sobre o seu fiel amigo – características, necessidades, problemas de saúde – vai autoconhecer-se e receber dele ensinamentos valiosos, que lhe mudarão a vida para sempre. E vai confirmar o que já suspeita há muito: você cuida do seu animal, mas ele vai mais longe, e é capaz de dar a vida por si.

CONVERSAS COM ANIMAIS

Marta Sofia Guerreiro é licenciada em Medicina Veterinária, actividade que exerceu durante 7 anos, dedicando-se em especial à cirurgia. Nos últimos anos ingressou numa extensa formação em áreas psicoterapêuticas e de autoconhecimento humano e assumiu a mediunidade que tinha desde criança – e que hoje põe ao serviço nas suas consultas.

Read Full Post »

 DSC_0686foto de Alberto Henschel Criança com ama de leite ( Pernambuco )

1870 -1880 Acervo Fundação Joaquim Nabuco.Histórias Mestiças é resultado de mais de dois anos de pesquisa dos curadores Adriano Pedrosa e Lilia Schwarcz ;a exposição paralela à 31ª Bienal de São Paulo com profunda e renovada investigação sobre as matrizes formadoras do povo brasileiro: a questão da mestiçagem e seu rebatimento na produção artística..

Até 5 outubroInstituto Tomie Ohtake

Rua Dos Coropés, 88  São Paulo –

Terça a domingo, 11h às 20h

Tambem em livro Antologia de Textos . Histórias Mestiças organização  Adriano Pedrosa e Lilia Schwarcz Editora Cobogó.

Read Full Post »

Massacre de CÃES em Wan Chuan

Postado em 16 de Março de 2007

Wan Chuan ,na província de Shichuan,  está se preparando  para matar todos os seus cães. Desde setembro de 2006 houve 3 mortes  de pessoas por raiva , e nos últimos dias ocorreu mais uma  morte pela mesma causa. Assim o governo local de Wan Chuan resolveu matar todos os seus cachorros começando no dia 16 de março ,hoje todos os cães de Wan Chuan , são milhares serão caçados e sumáriamente executados, independentemente de serem animais de estimação de familias ou cães de guarda e por mais mansos que sejam.Ai-Weiwei-6

As pessoas criam cachorros , que vivem em contato próximo  com os seres humanos e assim se tornam seus companheiros. Em outros países os cachorros aparecem frequentemente na TV: Reagan, Clinton e a família dos dois Bush apareceram na TV acompanhados  do cão da família Esses governos sabem como montar um espetáculo ou pelo menos sabem que precisamos ver o homem interagir com os outros animais  para  demonstrar sua natureza humana. Poucos dias atrás  a Russia e a Alemanha mantiveram uma serie de conversações, e as matérias na Alemanha destacaram o enorme cachorro negro de Putin- o tipo que a legislação  chinesa quer exterminar- em primeiro plano, tendo no fundo os dois dirigentes: o dono do cão e seu convidado.

Os chineses não acreditam em espíritos,  fora os apertos de mãos, não faram nada para a mídia. As fotos robóticas , previsíveis, não mudam há 50 anos, tudo o que se precisa fazer é mudar o dirigente, e ninguém se cansa disso.

Além do mais, o governo deveria ser o cachorro do povo.  O que é o Governo ? No vernáculo simples, o governo deveria ser o cachorro do povo, e há apenas dois tipos de governo no mundo, cães de guarda e cães de estimação.O governo dos Estados Unidos encarna dois tipos de cães; é servil para os norte americanos e  feroz para os outros povos. Obviamente há também o oposto, cães esquizofrênicos , governos que põem o rabo entre as pernas quando vêem forasteiros e mordem apenas seus senhores. Se as pessoas têm medo do seu governo, então esse governo –cão esta louco, porque um bom governo é o bichinho de estimação  dos seus cidadãos ; mesmo amar ate á morte seus cidadãos  não seria um excesso. Wan Chuan

 A relação de qualquer bom governo com seu povo é igual à de um cão com o seu dono: se um dono indica o leste, é proibido ir a oeste.

Mas na China parece que o governo nunca  entendeu isso, porque esse cão esta sempre na posição do dono e tentando tomar   decisões em nome dos seus cidadãos que foram espancados e até aleijados pelo governo.embora as coisas sejam assim, pouquíssimos donos tentam exterminar seus cães,porque os seres humanos são bons, racionais, solidários e compassivos. Mesmo se um governo fere seu povo, não é necessário  um mau governo; talvez ele seja estúpido ou tolo,ou talvez seja apenas insensível e irracional.Esse tipo de governo também pode existir.

Um bom governo precisa aprender  com os animais de estimação, brincar com seus cidadãos e com isso tornar seus donos  jubilosos a ponto de esquecerem suas preocupações. Somente assim podemos comer e beber o que nos cabe numa sociedade harmoniosa.”images

o texto acima faz parte do livro” O Blogue de Ai Wei Wei  , Ai+WeiWei+poy_r2_1226escritos entrevistas e arengas digitais , 2006-2009″  Editado pela Martins Fontes.  Algumas pessoas acham que a internet é um passatempo Ai Weiwei vê nela um poderoso meio de MUDANÇA SOCIAL. A internet não o transformou num ativista, mas possibilitou seu ativismo numa escala exponencial maior. Calcula-se que na china haja mais de 50 milhões de blogues, ninguém pode negar o crescente poder da internet na formação da opinião pública e na promoção do desenvolvimento da sociedade civil. Na chinas as informações disseminadas nos blogues desfrutam  de credibilidade singularmente alta porque ao contrário do que acontece  no mundo  , a mídia  antiquada do continente  é totalmente controlada, suscetível a blecautes de informações  .. Os textos de Ai Weiwei têm implicações ativistas, e revelam opiniões progressistas e humanitárias, cobrindo temas variados de forma abrangente, que vão desde evolução até direitos dos animais.images (2)images (1)2014-02-01 13.30.20

  • Ai Weiwei é um artista chinês, designer arquitetônico, artista plástico, pintor, comentarista e ativista social. nasceu 

Read Full Post »

”  Nessa viagem , entendi uma coisa que depois me foi útil ao longo de todo o projeto , cada espécie tem sua própria racionalidade. O importante é dedicar tempo suficiente para compreendê-la . Em Galápagos, poucos animais são temerosos , pois nunca foram perseguidos pelo homem. Não têm motivo algum para temê-lo. As tartarugas, porém, não esqueceram que nos seculos 18  e 19 eram caçadas pelas tripulações dos navios que, a caminho do Novo Mundo ou de regresso à Europa  , faziam escala no arquipélago. Como as tartarugas  são animais  que podem ficar vários meses  sem beber ou comer , os marinheiros garantiam um carregamento de carne fresca levando-as vivas nos porões dos navios. É por isso que dois seculos depois, continua sendo dificil aproximar-se delas. As  espécies carregam em seus  genes , por várias gerações, o perigo que os predadores representaram . E o unico predador dessa trataruga gigante  é o homem…Cenas desse tipo, em principio inacreditaveis podem ser vistas quando dedicamos certo tempo para contemplar os animais . Foi por isso que descobri e que não parei de experimentar ao longo de todas as reportagens subsequentes. Que nunca mais venham me dizer que os animais são seres sem cérebro e sem lógica .Não realizei essas reportagens à maneira de um zoologo ou de um jornalista, realizei-as para mim mesmo.Para descobrir o planeta. E delas obtive um prazer imenso.Com seus minerais, seus vegetais, seus animais,nosso planeta está vivo em todos os níveis.Compreendi que isso exige de nossa parte um respeito enorme “… única verdade é que a fotografia é minha vida,” Sebastião  Salgado

Sebastião Salgado  e suas imagens  continuam percorrendo o Brasil e o mundo. Mas apesar de ser reconhecido internacionalmente pelo seu trabalho, pouco se sabe sobre sua história pessoal.

Para apresentar o homem por trás das lentes, Isabelle Francq fez cinco grandes entrevistas com o mineiro nascido em Aimorés e o resultado acaba de ser lançado pela Companhia das Letras. Em Da Minha Terra à Terra, escrito em parceria com Isabelle, Salgado conta desde sua infância, numa fazenda no Vale do Rio Doce, até os bastidores da produção de Gênesis. O que se lê é uma saborosa conversa entre amigos em que Salgado se revela como um excelente narrador, ao debater, entre outras coisas, as raízes políticas, éticas e existenciais de seu engajamento fotográfico.

O olhar delicado e generoso com que Salgado retrata refugiados, trabalhadores e tribos isoladas fica evidente também por meio de palavras. Sua autenticidade aliada ao respeito com que trata seus fotografados são tocantes, especialmente em tempos que as pessoas se sentem no direito de fotografar tudo e todos sem pedir autorização. “Quando fotografo seres humanos, nunca chego de surpresa ou incógnito a um grupo, sempre me apresento. Depois me dirijo às pessoas, explico, converso e, aos poucos nos conhecemos”, relata.

A beleza, a desigualdade, o êxodo, a infância perdida e acima de tudo a dignidade do Homem. Com suas imagens sempre em preto e branco, Sebastião Salgado capta a essência humana . “Mais do que nunca, sinto que a raça humana é somente uma. Há diferenças de cores, línguas, culturas e oportunidades, mas os sentimentos e reações das pessoas são semelhantes. Pessoas fogem das guerras para escapar da morte, migram para melhorar sua sorte, constroem novas vidas em terras estrangeiras, adaptam-se a situações extremas…

É esta generosidade que o livro Da Minha Terra à Terra evidencia. Mas acima de tudo vem à luz o prazer que ele ainda sente em registrar a vida, mesmo do alto de seus 70 anos, completados em fevereiro – mais de 40 deles dedicados à fotografia. “Para alguns, sou fotojornalista. Não é verdade. Para outros, sou um militante. Tampouco. A única verdade é que a fotografia é minha vida. Todas as minhas fotos correspondem a momentos intensamente vividos por mim. Todas existem porque a vida, a minha vida, me levou até elas“.

Da Minha Terra à Terra
tulo original: De ma terre à la terre
Editora: Companhia das Letras
Selo: Paralela

Páginas: 176
Preço: R$ 24,9Daniel Pereira

Read Full Post »

Objetivo do programa é incentivar leitura entre os pequenos, além do auxílio aos bichinhos sem donos; imagens causam comoção na web

Publicado POR REDAÇÃO GLOBO RURALler_gatos01

 

Faz sucesso na web as imagens divulgadas pelo abrigo para gatos “Animal Rescue League of Berks County”, localizado na Pensilvânia, nos Estados Unidos.ler_gatos02 ler_gatos03_1 ler_gatos04 ler_gatos05 ler_gatos06 ler_gatos07 ler_gatos08 ler_gatos09

O local, em parceria com escolas da região, decidiu lançar um programa de incentivo à leitura, além do auxílio aos bichinhos sem donos.

As crianças interessadas podem visitar o abrigo e dedicar alguns minutos do seu dia à leitura de um texto ou de um pequeno livro aos bichinhos. Muitos dos pequenos voluntários aproveitam para acariciar e brincar com os animais.

Denominada “Book Buddies”, ou “amigos do livro”, na tradução para o português, a iniciativa está agradando aos pequenos, professores, pais e comovendo internautas das mais diversas regiões do mundo. Veja fotos (Foto: Divulgação/Animal Rescue League of Berks County)

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: